Notícia

Três bolas paradas de Romero 'tramam' atrevido Tomar

Oct 06, 2021

Em duelo de "segundos", o Sporting impôs-se a um atrevido Tomar com um resultado apenas dilatado nos derradeiros minutos. Gonzalo Romero fez um hat-trick de bola parada. #PrimeiraDivisão

O Sporting venceu o Tomar por 7-4 em jogo entre segundos classificados. À quarta jornada, os tomarenses registam a primeira derrota na prova.

Duas vitórias e um empate nos três jogos que tinham realizado valiam a Sporting e Tomar um estatuto de invencibilidade e o segundo lugar "es aequo", a dois pontos do Porto.

Pese poder estranhar-se mais a classificação da equipa de Nuno Lopes, o Tomar entrou melhor, mais rápido com a bola e a criar boas oportunidades. O tento inaugural, de Filipe Almeida, aos nove minutos, foi um justo prémio para o atrevimento dos visitantes.

No entanto, o Sporting, com a frieza que lhe valeu os títulos nacional e europeu, respondeu praticamente de imediato - por Henrique Magalhães -, não deixando o adversário saborear os merecidos festejos.

Insistiu o Tomar, mantendo a postura atrevida. Sobreviveria a um livre directo (de Ferran Font) por azul a Lucas Honório e ao respectivo "underplay" e, a quatro minutos do intervalo, com um golo de Tomás Moreira, voltava a passar para a frente. Mas o Sporting viraria ainda na primeira parte. E no capítulo das bolas paradas, que costuma ser pecha.

Já a menos de dois minutos do descanso, Gonzalo Romero voltou a ser aposta para uma grande penalidade e não desperdiçou. E voltou a ser aposta ganha, agora de livre directo, depois de azul a Caio. O Sporting - sem Matías Platero, lesionado - recolhia aos balneários a vencer por 3-2, num pesado castigo para um Tomar que procurava jogar "olhos nos olhos".

A reviravolta do final da primeira parte fora um rude golpe anímico e, logo no arranque da segunda, Ferran Font fez o 4-2. "Nolito" e Tomás Moreira desperdiçaram os livres directos das 10ªs faltas e as equipas encaixavam-se. O Sporting, com posses mais largas, controlava o jogo, deixando para o Tomar apenas alguns rasgos de contra-ataque.

A nove minutos do final, Pedro Martins "inventou" um golo que relançaria o jogo. O cerebral jogador tomarense entrou pela defensiva leonina e bateu Girão para um tangencial 4-3 que deixava tudo em aberto. Mas os leões são letais nos momentos-chave.

Com apenas seis minutos para jogar, A juventude de Lucas Honório "custou" uma grande penalidade que Romero voltou a transformar, para um hat-trick de bola parada ingrato para Francisco Veludo e uma "almofada" de dois golos. Pouco depois, Alessandro Verona fazia o 6-3 que acabava com o jogo.

O italiano voltaria a marcar com pouco mais de três minutos para jogar, depois de um grande lance de Gonzalo Romero, e, pese Rúben Sousa transformar o livre directo da 15ª falta, os três pontos estavam entregues.

No próximo fim-de-semana, o Sporting viaja até ao Dragão Arena para um Clássico em que se discute o primeiro lugar. O Tomar recebe o aguerrido Parede.

4ª jornada

Turquel 5-4 Sanjoanense

• Marinhense 4-7 Óquei de Barcelos

• Paço de Arcos 2-5 Porto

Sporting 7-4 Tomar

• Parede 4-5 Oliveirense

Benfica 4-1 Braga

• Juventude de Viana 3-9 Valongo

Classificação

1º Porto (12 pontos), 2º Sporting (10), 3º Óquei de Barcelos (9), 4º Benfica (9), 5º Oliveirense (8), 6º Tomar (7), 7º Valongo (6), 8º Parede (6), 9º Juventude de Viana (6), 10º Turquel (4), 11º Braga (3), 12º Paço de Arcos (1), 13º Sanjoanense (0), 14º Marinhense (0)

5ª jornada

• Turquel vs. Marinhense • 9.Out • 21h

• Óquei de Barcelos vs. Paço de Arcos • 9.Out • 18h

• Porto vs. Sporting • 10.Out • 14h30

• Tomar vs. Parede • 9.Out • 18h

• Oliveirense vs. Benfica • 9.Out • 18h

• Braga vs. Juventude de Viana • 9.Out • 17h

• Sanjoanense vs. Valongo • 9.Out • 18h

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade