Notícia

Oliveirense na final

Oct 10, 2021

O finalista português da Eurockey Cup de Sub-17 é a Oliveirense, depois de "arrasar" Sintra e Porto nos quartos-de-final e "meias". Defronta na decisão o Igualada. #EurockeyCup #EurockeyU17

Já se sabia que uma equipa portuguesa estaria na final depois das classificações na fase de grupos terem ditado que as quatro presentes na Eurockey Cup se cruzavam até à partida decisiva. E a Oliveirense confirmou - e de que maneira - o favoritismo que lhe era apontado.

A equipa orientada por Raul Alves passou os quartos-de-final com uma vitória por 9-0 sobre o Sintra de Ricardo Leão. Gonçalo Machado abriu as "hostilidades" com dois golos nos primeiros cinco minutos e terminou a partida como o mais certeiro, com um poker assinado.

Nas meias-finais, a Oliveirense defrontaria o Porto.

Os dragões vinham de uma partida intensa, um verdadeiro Clássico, com o Benfica. O jogo teve cinco azuis (dois para as águias e três para os dragões) e três vermelhos (todos para o Benfica) e viu o primeiro tento surgir depois da expulsão do técnico Nelson Monteiro e de Tiago Alves, por entrada antes do tempo em pista depois de dupla exclusão. João Fontes marcou de livre directo, mas veria azul nos festejos e, pouco depois,

nova exclusão nos azuis-e-brancos colocavam definitivamente os holofotes no guarda-redes José Silva.

José Silva protagonizou uma excelente prova e foi determinante frente ao Benfica, defendendo tudo na primeira parte e quase tudo na segunda. O Porto fez o 0-2 a finalizar a primeira parte e o Benfica "carregou" na segunda, colocando sucessivamente à prova o guardião portista. Eduardo Chumbinho reduziu aos sete minutos e meio e a igualdade pareceu muitas vezes iminente. Mas estava lá José Silva.

A três minutos do final, sempre com o Benfica a pressionar, Duarte Morais seria expulso e Pedro Príncipe não desperdiçaria o livre directo para um 1-3 que dava outra tranquilidade. As águias ainda tentaram, mas a passagem da equipa de Diogo Rufino estava selada.

Se a Oliveirense já era favorita, o esforço portista na derradeira partida dos "quartos", já a terminar tarde dentro, ainda mais favoritismo dava ao "rolo compressor" de Oliveira de Azeméis.

Pressionante, a Oliveirense já vencia por 2-0 aos seis minutos e, não obstante a vantagem, estendia a pressão a pista inteira, sufocando os azuis-e-brancos que, ainda assim, recolheriam aos balneários com uma desvantagem de "apenas" 3-0. As "pilhas" já não chegaram para a etapa complementar. Paulatinamente, a Oliveirense foi dilatando a vantagem até um pesado 8-0 final, merecendo destaque o hat-trick - pleno de oportunidade - de José Azevedo.

Na final, a Oliveirense reencontra um Igualada que venceu por tangencial 3-2 na fase de grupos. Os arlequins chegaram à final com vitórias menos expressivas, mas também sem golos sofridos. Venceram os italianos do Montecchio por 0-5 e os madrilenos do Alcobendas por 3-0.

A final está agendada para as 12h locais, 11h em Portugal continental , e poderá ser acompanhada em streaming aqui.

Quartos-de-final

• Montecchio 0-5 Igualada

Alcobendas 4-3 Alameda

Oliveirense 9-0 Sintra

• Benfica 1-3 Porto

Meias-finais

Igualada 3-0 Alcobendas

Oliveirense 8-0 Porto

Final

• Igualada vs. Oliveirense • 10.Out • 12h

(horas locais, menos uma hora em Portugal continental)

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade