Notícia

Eurockey Cup de Sub-17 é da Oliveirense!

Oct 10, 2021

A Oliveirense venceu a edição de Sub-17 da Eurockey Cup, batendo na decisão o Igualada por 2-4 num grande jogo disputado até final. #EurockeyCup #EurockeyU17

Igualada e Oliveirense já tinham protagonizado uma grande partida na primeira ronda desta Eurockey Cup de Sub-17. Então, a vencer por 0-2 à entrada dos derradeiros cinco minutos, os arlequins "deixaram" a equipa de Oliveira de Azeméis dar a volta para 3-2. Mas ficava a promessa de novo grande jogo no reencontro.

E foi um jogo digno de final.

Para uma partida arbitrada pela portuguesa Silvia Coelho e a espanhola Tania Pardo (reeditando a dupla que apitara a final da europeia Taça da Liga Feminina), Raul Alves contava com nada menos que cinco dos internacionais portugueses do último Europeu do escalão, realizado em Setembro último, mas um dos heróis espanhóis da final [Espanha venceu por 3-8] era do Igualada...

Logo no primeiro minuto, Eloi Cervera inaugurou o marcador, obrigando a Oliveirense a ir atrás do resultado. Mas assumir o jogo não é algo contra-natura na equipa portuguesa. A reviravolta seria concretizada ainda na primeira parte, com golos de Gonçalo Machado e Paulo Pereira, num jogo ofensivo, mas com necessárias cautelas que não se tinham visto noutras partidas.

A equipa do Igualada, com excelentes individualidades (e necessário destaque para Cervera) e um bom colectivo, colocou sempre a Oliveirense em sentido. Os catalães seriam traídos por um azul a Oriol Carol, logo no arranque da segunda parte, com Paulo Pereira a não desperdiçar o livre directo, mas regressaram ao jogo pouco depois, com o tal Eloi Cervera a não enjeitar oportunidade em superioridade numérica depois de azul a José Azevedo.

Havia largos 17 minutos para jogar e o tangencial 2-3 forçava a Oliveirense a "dar" a outra face. Uma face mais pragmática, mais adulta, mais táctica. Os pupilos de Raul Alves cumpriram e, já nos derradeiros dois minutos, forçaram a 10ª falta, com o capitão Paulo Pereira a transformar o respectivo livre directo num 2-4 que praticamente "matava" o jogo. O Igualada tentou tudo, inclusivamente com cinco jogadores de pista, mas o resultado estava feito. E o troféu entregue.

A Oliveirense sucede como campeã a Braga (2014), Manlleu (2015), Lleida (2016), Barcelona (2017) e Benfica (2018 e 2019).

Quartos-de-final

• Montecchio 0-5 Igualada

Alcobendas 4-3 Alameda

Oliveirense 9-0 Sintra

• Benfica 1-3 Porto

Meias-finais

Igualada 3-0 Alcobendas

Oliveirense 8-0 Porto

Final

• Igualada 2-4 Oliveirense

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade