Notícia

Uma 'distância de segurança' de três golos

Mar 06, 2022

Por três golos de diferença, Óquei de Barcelos, Oliveirense e Paço de Arcos venceram este sábado, para mais três pontos importantes nos seus objectivos. #PrimeiraDivisão

Vingou este sábado uma espécie de "lei do mais forte", com as equipas mais bem classificadas a triunfarem nas três partidas realizadas. E pela mesma margem de três golos.

Em Valongo, a Oliveirense negou a aproximação na classificação, para uma eventual luta pelo 5º lugar. Em caso de vitória, o Valongo ficaria a apenas dois pontos da equipa de Oliveira de Azeméis, mas o triunfo oliveirense cava um fosso de oito pontos.

Depois de um golo solitário de Franco Platero, de grande penalidade, na primeira parte, Nuno Araújo e Marc Torra, com o catalão a bisar, ampliaram até um 0-4, com 10 minutos para jogar, que matava o jogo. Rúben Pereira ainda reduziu, de grande penalidade, mas o triunfo já estava garantido no regresso de Paulo Pereira onde foi mais feliz [ndr: campeão nacional em 2014].

História semelhante teve a partida de Paço de Arcos.

O Marinhense até entrou bem, a criar boas oportunidades, mas aos nove minutos, Pedro Vaz quebrava a tendência com o tento inaugural para os da casa. Pouco depois, André Ferreira ampliava, numa jogada com tanto de simples como de eficaz, e Tiago Gouveia faria o 3-0 com que se chegou ao intervalo.

Se a missão da equipa da Marinha Grande já se antevia complicada, mais difícil ainda ficou quando Gonçalo Nunes fez o quarto tento com pouco mais de um minuto decorrido na etapa complementar, permitindo aos pupilos de André Luís gerir o desenrolar dos acontecimentos.

A reacção da equipa de Nuno Domingues ganhou alento com o golo de Gonçalo Domingues a 10 minutos do final, mas faltou eficácia para um segundo golo que pudesse intranquilizar a equipa da casa, protagonizando Diogo Rodrigues ("Matraco") uma segura exibição.

11 vitórias em 12 jogos

Na Parede, o Óquei de Barcelos somou a sua 11ª vitória nos últimos 12 jogos, num percurso "manchado" por uma derrota em Turquel. Já a quinta derrota consecutiva do Parede passa a ser a sua série mais "negra" na presente edição da prova.

Vindo de uma estrondosa vitória sobre o Sporting por 6-0, o Óquei de Barcelos entrou forte, agressivo, a "carregar" e inaugurou o marcador logo aos cinco minutos, por Danilo Rampulla. Mas faltou eficácia para ampliar.

Rafael Lourenço, que está cedido pelos barcelenses, igualou dois minutos volvidos sobre o tento de Rampulla e a abnegação dos jogadores de Pedro Gonçalves ia enervando os visitantes.

Com apenas 13 minutos jogados, o Óquei de Barcelos chegava às nove faltas, numa chamada de atenção à forma como pressionava. Mais contido, chegaria a nova vantagem de grande penalidade, por Luís Querido. Pouco depois, Rafael Lourenço não teve a mesma eficácia perante "Conti" Acevedo - no livre directo da 10ª falta -, mas João Alves ("Joka") lograria levar o jogo empatado para o intervalo.

Na segunda parte, o jogo foi decidido pelos dois argentinos do Barcelos que já tinham feito "estragos" frente ao Sporting. Dario Giménez foi de total eficácia em dois livres directos perante Guilherme Pedruco e, com um golo de Miguel Rocha pelo meio, as contas ficavam fechadas a 12 minutos e meio do apito final. Muito por culpa de Conti.

Pese a marcha do marcador, o Parede - com as baixas importantes de Ricardo Rocha e André Gaspar - nunca baixou os braços e jogou até ao último segundo como se qualquer golo pudesse evitar a derrota. Mas esbarrou num guarda-redes de uma serenidade a toda a prova.

O Óquei de Barcelos passa a somar 48 pontos, a um do líder Porto, que terá uma partida complicada...

A 20ª jornada prossegue este domingo com "epicentro" na Segunda Circular. O jogo maior da ronda disputa-se na Luz, entre Benfica e Porto, a partir das 15h. Três horas depois, o Sporting recebe o Turquel no João Rocha.

20ª jornada

Paço de Arcos 4-1 Marinhense • 5.Mar

• Valongo 1-4 Oliveirense • 5.Mar

• Parede 2-5 Óquei de Barcelos • 5.Mar

• Benfica vs. Porto • 6.Mar • 15h • Pedro Figueiredo e Carlos Correia

• Sporting vs. Turquel • 6.Mar • 18h • Miguel Guilherme e João Catrapona

• Juventude de Viana vs. Tomar • 9.Mar • 21h

• Braga vs. Sanjoanense • 9.Mar • 21h

Classificação

1º Porto* (49 pontos), 2º Óquei de Barcelos (48), 3º Sporting* (41), 4º Oliveirense (41), 5º Benfica** (40), 6º Valongo (33), 7º Tomar** (30), 8º Paço de Arcos (24), 9º Braga** (23), 10º Juventude de Viana* (14), 11º Sanjoanense* (13), 12º Parede (13), 13º Marinhense* (11), 14º Turquel*** (8)

*menos um jogo, **menos dois jogos, ***menos três jogos

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade