Turquel regressa no feminino

Cinco anos depois, o Turquel volta a ter equipa feminina na categoria máxima. A boa notícia do regresso da última equipa campeã antes da hegemonia do Benfica contrasta com o aparente desinvestimento do Sporting.

Turquel regressa no feminino

Na temporada que se avizinha, tudo indica que haverá no Hóquei em Patins feminino um vazio - pelo menos competitivo - deixado pelo Sporting. Em contraponto, o Turquel está de regresso.

O emblema da Aldeia do Hóquei anunciou esta quarta-feira nas redes sociais o regresso da sua equipa feminina, ainda que sem anunciar mais detalhes para já.

Campeão nacional de seniores femininos em 2012, o Turquel foi a última equipa a erguer o título antes do Benfica açambarcar todas as conquistas possíveis a nível nacional. As turquelenses seriam ainda vice-campeãs em 2013 e 2016 e terminariam em terceiro em 2017 antes de "colocar em pausa" o projecto.

No entanto, a Aldeia do Hóquei não se afastou do feminino. Chamou a si a organização das Final Four da Taça de Portugal em 2019 e 2021 e, este ano, do primeiro campeonato nacional de Sub-19.

Pelo Benfica, a turquelense Leonor Coelho, ainda com idade Sub-17, sagrou-se campeã nesse nacional de Sub-19, e deverá ser uma das caras certas na equipa para 2022/23, tal como as gémeas Rita e Rute Lopes, que deixarão o Sporting. E do João Rocha poderá seguir ainda a guarda-redes Cláudia Vicente, também natural - como as anteriores - de Turquel.

Ao que foi possível apurar, o grupo de trabalho ainda não estará fechado, mas o comando técnico deverá ser assegurado por Nelson Lourenço, coadjuvado por Guillem Pérez.

Partilhe

Facebook Twitter AddToAny