Notícia

Sorteio europeu com 59 equipas

Aug 28, 2018

Realiza-se no próximo sábado em Correggio, a partir das 10h de Portugal continental, o sorteio da próxima edição das competições europeias.

A sorteio vão 59 equipas, que procuram suceder aos vencedores de 2017/18: Barcelona na Liga Europeia, Lleida na Taça CERS (agora Taça WS Europe) e Gijón na Liga Europeia Feminina.

Liga Europeia

Na Liga Europeia, o destaque vai para a presença do Monza, a surgir como quarta equipa italiana em virtude das negas de Breganze, Viareggio e Valdagno (todos a optarem pela Taça WS Europe).

De resto, mantém-se o formato e o sorteio dividirá as 16 equipas por quatro grupos, sendo que não se defrontarão equipas do mesmo país nem os cabeças-de-série. A condição de cabeça-de-série será para Sporting (campeão português), Barcelona (campeão espanhol), Lodi (campeão italiano) e para o detentor da Liga Europeia.

Dado que o Barcelona já tinha o lugar como campeão espanhol, o quarto cabeça-de-série será para o país melhor colocado no ranking, que é Portugal, e para o seu vice-campeão nacional, o Benfica.

As equipas participantes na edição 2018/19 da mais importante prova de clubes são Barcelona, Liceo, Noia e Reus (Espanha), Benfica, Oliveirense, Porto e Sporting (Portugal), Follonica, Forte, Lodi e Monza (Itália), Quevert e Saint-Omer (França), Herringen (Alemanha) e Montreux (Suíça).

Taça WS Europe

A Taça WS Europe, designação renovada da Taça CERS, é a prova mais participada das competições europeias, e este ano conta com 28 equipas.

Sem equipas inglesas, será de saudar o regresso do Valongo, ausente das competições europeias nas duas últimas temporadas, mas a surgir como um dos favoritos, a par das outras quatro equiaps portuguesas, das cinco equipas espanholas ou das três italianas, sendo difícil apontar um claro favorito ou mesmo um grupo reduzido de candidatos.

Na corrida ao troféu estarão esta época Juventude de Viana, Óquei de Barcelos, Tomar, Turquel e Valongo (Portugal), Caldes, Girona, Igualada, Lleida e Voltregà (Espanha), Sarzana, Valdagno e Viareggio (Itália), Coutras, La Vendéenne, Merignac, Nantes e Noisy Le Grand (França), Darmstadt, Dusseldorf, Iserlohn e Walsum (Alemanha), Biasca, Diessbach, Uri e Uttigen (Suíça) e Dornbirn e Wolfurt (Áustria).

Com 28 equipas será expectável uma primeira eliminatória com quatro equipas isentas, podendo estas ser as finalistas Lleida e Barcelos e a semifinalista Voltregà. A outra equipa que esteve presente na última Final Four foi o Breganze, que este ano estará ausente das provas europeias.

Benfica (Portugal), Voltregà (Espanha), Coutras, Merignac e Noisy Le Grand (todas da França), Iserlohn (Alemanha) e Montreux (Suíça) vão a jogo no masculino e no feminino.

Liga Europeia Feminina

Na Liga Europeia Feminina há a assinalar a ausência de equipas italianas. Portugal entra na competição com três equipas, aquém das quatro representantes de Espanha e de França.

A sorteio estarão Gijón, Manlleu, Plegamans e Voltregà (Espanha), Coutras, Merignac, Nantes Metropole e Noisy Le Grand (França), Académica, Benfica e Stuart (Portugal), Bison-Calenberg e Iserlohn (Alemanha) e Montreux e Voldemwald (Suíça).

O favoritismo estará entre as equipas do país vizinho, quase monopolizadoras dos triunfos nas 12 edições da prova, e a equipa do Benfica, a excepção à regra dos triunfos espanhóis com a sua conquista de 2015.

Com 15 equipas, a primeira eliminatória deverá ter uma equipa isenta, que deverá ser o campeão Gijón, seguindo-se os quartos-de-final.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade