Notícia

Vingança com hat-trick de Manrubia

Feb 03, 2021

O Noia venceu o Lleida por 1-4, com um hat-trick de Pol Manrubia. Ao vingar a derrota da primeira volta, a equipa de Ferran López permitiu ao Caldes (venceu o Calafell) subir ao pódio. #OkLiga

Apesar da sua temporada irregular, o Noia vingou a derrota da primeira volta frente ao Lleida, que acabou por perder o terceiro lugar.

Pol Manrubia inaugurou o marcador aos 12 minutos, num lance que motivou protestos - e admoestação - a Jepi Selva.

O Lleida, a tentar defender o seu lugar no pódio, foi atrás da igualdade, mas repetir o feito da primeira volta, com uma vitória por 3-5 na pista (emprestada) do Noia, não passaria de uma miragem.

Andreu Tomàs desperdiçou uma grande penalidade ainda na primeira parte e um azul a Bruno Di Benedetto, aos sete minutos da segunda, permitiu a Pol Manrubia apontar o segundo da sua conta pessoal. E, menos de dois minutos volvidos, o jogador de 20 anos ampliava para 0-3. Na ausência de Xavi Costa, melhor marcador da equipa de Ferran López, brilhou Manrubia.

O Lleida não conseguia reentrar na partida e viu Adrià Ballart ampliar para quatro golos de vantagem antes de Jepi Selva lograr, enfim, bater Xus Fernandez.

Caldes regressa à vitórias e sobe ao pódio

Beneficiando da derrota do Lleida, o Caldes subiu ao terceiro lugar, apenas atrás de Liceo e Barcelona.

Com oito minutos de jogo, o Caldes já vencia com dois golos de Cristian Rodriguez na melhor resposta possível ao desaire na ronda anterior em Girona [derrota por 5-1]. No entanto, o triunfo seria tudo menos fácil...

Ferran Rosa ampliou aos 15 minutos, mas Martí Gabarró reduziu praticamente de pronto, minorando os "estragos" ao intervalo.

A etapa complementar começou praticamente com Xavi Rovira a desperdiçar o livre directo na 10ª falta do Calafell e a equipa de Pere Varias não demoraria a reduzir para a diferença mínima, com um golo de Sergi Torné.

Vendo a vantagem esfumar-se e à beira da 10ª falta, os fantasmas de Girona apoderavam-se da equipa de Edu Candami.

Aos nove minutos, Martí Gabarró avançou para a marca de livre directo, mas o jogador cedido por empréstimo pelo Barcelona (tal como o guarda-redes "Xano" Edo) não conseguiria voltar a desfeitear Gerard Camps. Pouco depois, Arnau Xaus, que representou a Juventude de Viana, não fez melhor depois de azul a Sergi Miras.

Acossado por um Calafell irreverente, o Caldes só descansaria a quatro minutos e meio do fim, com Ferran Rosa a fazer o 4-2 que seria final.

Vic perde dérbi

Entretanto, no dérbi de Osona realizado este domingo, o Voltregà venceu em Vic por 1-3. Arnau Canal bisou nos derradeiros três minutos da primeira parte e selou um hat-trick aos sete da segunda. Carles Sánchez reduziu, de livre directo, já nos derradeiros minutos, tarde para que a equipa de Quim López evitasse a derrota.

Os "vigatans" têm as contas da manutenção muito complicadas, penúltimos, apenas à frente do Mataró. Numa temporada em que quatro equipas descem directamente, o Vic soma 10 pontos, menos cinco que Lloret e Vendrell, os primeiros acima da zona "letal". Ainda assim, 11º e 12º não terão a manutenção garantida, discutindo com equipas da OK Liga Plata um lugar na categoria máxima na próxima temporada.

A 17ª jornada fica pendente da realização do jogo entre Reus e Girona para ser concluída. A 18ª arranca na sexta-feira, com o grande Clássico entre Liceo e Barcelona.

17ª Jornada

• Barcelona 9-2 Lloret

• Mataró 4-9 Palafrugell

• Taradell 4-2 Liceo

• Igualada 2-4 Vendrell

• Vic 1-3 Voltregà

• Lleida 1-4 Noia

• Caldes 4-2 Calafell

• Reus vs. Girona • adiado

Classificação

1º Liceo (46 pontos, 17 jogos), 2º Barcelona (46), 3º Caldes (35), 4º Lleida (33), 5º Reus*** (29), 6º Voltregà (27), 7º Noia* (23), 8º Girona** (22), 9º Palafrugell* (20), 10º Taradell (17), 11º Vendrell* (15), 12º Lloret (15), 13º Calafell*** (13), 14º Igualada (13), 15º Vic* (10), 16º Mataró (5)

* menos um jogo, ** menos dois jogos, *** menos três jogos

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade