Notícia

Guilherme e Torres na Liga Europeia

Apr 01, 2021

Miguel Guilherme e Rui Torres são os árbitros portugueses escolhidos para a primeira fase da Liga Europeia. Estão também nomeados dois árbitros de Espanha e quatro de Itália. #Arbitragem #LigaEuropeia

Os italianos Filippo Fronte, Francesco Stallone, Massimiliano Carmazzi e Ulderico Barbarisi, os espanhóis Daniel Villar e Rubén Fernandez e os portugueses Miguel Guilherme e Rui Torres são os árbitros escolhidos para os nove jogos da primeira fase da Liga Europeia, que decorre entre 9 e 11 de Abril no Luso.

Miguel Guilherme, de Lisboa, e Rui Torres, do Minho, são dois dos mais respeitados e reconhecidos árbitros nacionais, aquém e além-fronteiras. Não tendo apitado qualquer jogo em conjunto esta temporada, somam 37 jogos na I Divisão. Rui Torres é o árbitro que mais vezes foi chamado à prova maior do calendário nacional, com 21 jogos dirigidos, ao passo que Miguel Guilherme apitou 16.

Relativamente às cinco equipas nacionais que estarão no Luso a lutar por um lugar na Final Four, apitaram para a I Divisão oito vezes o Benfica, sete vezes o Porto, cinco o Óquei de Barcelos e quatro Oliveirense e Sporting. Entre estes contam-se seis jogos entre as equipas.

Miguel Guilherme esteve no empate a um entre Benfica e Sporting e na vitória do Porto sobre o Óquei de Barcelos (8-6). Rui Torres apitou logo na ronda inaugural o Clássico entre Benfica e Porto (7-3) e depois três jogos com a Oliveirense, todos de má memória para a equipa de Oliveira de Azeméis. Esteve na recepção ao Benfica (3-5) e na deslocação ao Dragão Arena (8-2) e a Barcelos (5-3).

Rui Torres apitou também uma partida entre "candidatos" na Taça 1947, o jogo entre Benfica e Oliveirense das meias-finais que ditaria o apuramento das águias para a final e motivaria uma reacção pronta da Oliveirense visando a arbitragem.

Na última classificação nacional divulgada, relativa à temporada de 2019/20, Rui Torres foi o segundo árbitro melhor classificado, apenas aquém de Joaquim Pinto. Miguel Guilherme foi 8º, mas é o árbitro com mais galardões de "Árbitro do Ano" (três) - e o único a conseguir distinções consecutivas - na última década. Rui Torres arrebatou a distinção em duas temporadas.

Problemas de nacionalidade

É ponto assente que a arbitragem deve estar acima das preferências clubísticas ou da nacionalidade dos árbitros, devendo primar pela imparcialidade independentemente das equipas envolvidas no jogo.

No entanto, porque a mulher de César não basta ser, tem de parecer, a World Skate Europe, quer nos confrontos de clubes, quer de selecções, tem pautado as suas nomeações por uma busca de "divergência nacional". Isto é, se há uma equipa portuguesa, os árbitros não poderão ser portugueses.

Tendo em conta as equipas que estarão no Luso - cinco portuguesas e quatro espanholas - tal, a manter-se, levantaria desde logo um "problema" à dupla portuguesa, pois significaria que só poderiam apitar o Clássico espanhol entre Barcelona e Liceo no primeiro dia. O único jogo sem uma equipa portuguesa envolvida...

Este mesmo critério levaria a outro "problema" no segundo dia. É que em todos os jogos intervêm equipas portuguesas e espanholas, o que obrigaria a duplas italianas nas três partidas. Só há duas duplas, uma teria esforço redobrado.

No respeito deste critério, os jogos teriam as arbitragens conforme projectado abaixo, sendo expectável que, por exemplo, confrontos luso-espanhóis possam ter também arbitragem luso-espanhola para aliviar a carga sobre os quatro árbitros italianos.

9 de Abril

• Porto vs. Noia • dupla italiana?

• Sporting vs. Reus • dupla italiana?

• Barcelona vs. Liceo • dupla italiana ou portuguesa?

10 de Abril

• Noia vs. Óquei de Barcelos • dupla italiana?

• Reus vs. Oliveirense  • dupla italiana?

• Liceo vs. Benfica • dupla italiana?

11 de Abril

• Óquei de Barcelos vs. Porto • dupla espanhola ou italiana?

• Oliveirense vs. Sporting • dupla espanhola ou italiana?

• Benfica vs. Barça • dupla italiana?

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade