Notícia

CoViD acaba época do Valdagno antes do play-off

Apr 26, 2021

Um surto de CoViD-19 no Valdagno obriga o clube de André Centeno a desistir da disputa do play-off e a dar a época por terminada. #CoViD19 #SerieA1

Será uma ameaça permanente sobre o play-off em Itália, mas também em Portugal.

Um surto de CoViD-19 no Valdagno impede a equipa de André Centeno de disputar um lugar no play-off e obriga-a a dar a época por terminada.

Pelo regulamento da Serie A1, o Valdagno, que terminou a fase regular em 7º, ia disputar, numa "pré-eliminatória" a duas mãos, um lugar nos quartos-de-final com o Correggio, 10º.

O primeiro jogo estava agendado para esta terça-feira e o segundo para sábado, 1 de Maio, mas um surto de CoViD que atingiu o Valdagno dos escalões de formação aos seniores - e o necessário isolamento profiláctico - impedirá a realização dos jogos. O Correggio avança administrativamente para os "quartos", onde defrontará o Lodi.

Época de duas faces

A temporada do Valdagno, agora abruptamente terminada, mostrou duas faces bem distintas.

Nos primeiros 12 jogos, até 9 de Janeiro, a equipa do português André Centeno só perdeu pontos em dois, com um empate, uma derrota e 10 vitórias que chegaram a valer a liderança da prova.

Depois, rumores de uma eventual saída do treinador Diego Mir para o Porto, que não se confirmaria e até culminariam na renovação pelo emblema italiano, marcaram um ponto de viragem.

A partir de 13 de Janeiro, o Valdagno só venceria duas partidas em 14, somando seis derrotas, e acabaria a fase regular em 7º, com 43 pontos. A equipa marcou 100 golos e sofreu 80, com André Centeno a destacar-se como o melhor marcador, totalizando 24 golos. Andrea Brendolin seria o segundo mais certeiro, com 20 tentos.

Conhecido é já o regresso de André Centeno a Portugal, aguardando-se outras definições para uma próxima temporada em que Diego Mir continuará ao leme.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade