Notícia

Primeiro 'milho' é para as águias

Nov 16, 2021

Foto de capa: Sporting Clube de Portugal

Mesmo sem as suas duas estrangeiras, o Benfica impôs-se de forma clara ao Sporting. Sendo já o quarto jogo (e quarta vitória) das águias, foi apenas o primeiro jogo das leoas para o campeonato. #NacionalFem

Pela terceira temporada consecutiva, os pontos de maior interesse no Campeonato Nacional de Seniores Femininos - e na temporada do Hóquei em Patins feminino em Portugal - serão os Dérbis Eternos entre um hegemónico Benfica e um candidato Sporting.

Este domingo, leões e águias defrontaram-se no João Rocha, desde logo com o constrangimento das ausências nas encarnadas das chilenas Macarena Ramos e Catalina Flores - a disputar o Pan-Americano, nos Estados Unidos - e, nas verde-e-brancas, da internacional portuguesa Margarida Florêncio.

Num duelo exclusivamente português, a equipa orientada por Paulo Almeida foi mais eficaz desde os primeiros minutos, com Raquel Santos a inaugurar o marcador ainda não estavam cumpridos cinco minutos. E, pouco mais de um minuto volvido, Marlene Sousa ampliou. Numa partida em que as encarnadas mostraram outro ritmo, Marlene bisou para o 0-3 antes do intervalo, já depois de Ana Catarina Ferreira ter desperdiçado a oportunidade de reduzir de grande penalidade.

Na segunda parte, com a confiança da confortável vantagem construída, o Benfica - mesmo muito limitado na rotação de jogadoras - geriu as incidências e controlou um jogo que, nesta fase da prova, serve mais como afirmação das octocampeãs nacionais frente às vice-campeãs. Maria Sofia Silva desperdiçou uma grande penalidade, mas Raquel Santos voltou a marcar na fronteira dos cinco minutos de jogo, fixando o 0-4 que seria final ainda a largos 20 minutos do derradeiro apito, muito por culpa das inspiradas exibições das guarda-redes vice-campeãs europeias de selecções Maria Celeste Vieira e Cláudia Vicente.

Com este triunfo, o Benfica passa a somar quatro vitórias em quatro jogos disputados na Zona Sul da primeira fase do campeonato, e com as habituais mirabolantes cifras: 43 golos marcados e três sofridos.

O Sporting arranca em falso, mas este foi apenas o primeiro jogo de uma caminhada que será longa. No próximo domingo, a equipa de Nuno Pinto desloca-se a Massamá para defrontar a Stuart numa primeira fase que se prolongará até 12 de Dezembro.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade