Notícia

Porto e Oliveirense vencem na Linha

Oct 06, 2021

Numa jornada em que os cinco assumidos candidatos venceram, o Porto triunfou em Paço de Arcos e a Oliveirense arrancou difíceis três pontos na Parede. Dario Gimenez marcou cinco na vitória do Óquei de Barcelos. #PrimeiraDivisão

Porto, Sporting, Benfica, Óquei de Barcelos e Oliveirense são assumidos candidatos ao título, mas ainda não tinham tido uma jornada com pleno de vitórias.

Os dragões têm feito a sua parte e somaram em Paço de Arcos a sua quarta vitória em outras tantas partidas.

Carlo Di Benedetto e Telmo Pinto construíram a vantagem de dois golos que se registava ao intervalo e, logo após o reatamento, o atacante francês faria um 0-3 que seria muito complicado de anular. Aos oito minutos, Mena fazia o quarto e a missão do Paço de Arcos passava de complicada a impossível.

Filipe Fernandes reduziu, mas Gonçalo Alves repôs distâncias, e o segundo da equipa da casa, por Bruno Frade, já chegou tarde, ficando o resultado fechado em 2-5 para um Porto que na próxima ronda tem o imaculado percurso colocado à prova pelo Sporting.

Mais complicado foi o triunfo da Oliveirense na Parede.

O Parede de Pedro Caeiro Gonçalves tem-se mostrado um obstáculo complicado de contornar e voltou a mostrar os argumentos dos triunfos sobre Valongo e Braga.

Ricardo Machado inaugurou o marcador e "Tato" Ferruccio igualou numa primeira parte que ficou a dever a si mesma mais golos. Mas o rigor táctico do Parede a isso obriga.

Logo no primeiro minuto da segunda parte, Jorge Silva colocou a Oliveirense na frente, mas o Parede viraria o resultado, com um bis de Ricardo Lopes. Nuno Araújo faria o 3-3 com largos 12 minutos para jogar e as decisões seriam adiadas para a recta final.

Com quatro faltas em menos de dois minutos, o Parede chegou às 10. E Marc Torra colocava a Oliveirense na frente já nos dois minutos finais. O Parede não baixou os braços, mas, em novo livre directo, Torra fazia o 3-5, tornando o quarto da equipa da casa, por Rodrigo Godinho, insuficiente para amealhar pontos.

Cinco de Dario

Aos triunfos de Porto, Oliveirense, Sporting e Benfica há a somar a vitória do Óquei de Barcelos na Marinha Grande, por 4-7, com Dario Giménez como protagonista maior do jogo. E, muito provavelmente, da ronda. O inventivo argentino, com um extraordinário arranque de época, assinou nada menos que uma mão cheia de golos, marcando de livre directo nas três oportunidades de que dispôs.

Dario abriu o livro para responder ao tento inaugural do Marinhense, fez o 3-3 e assinou o 3-4 com que se chegou ao intervalo, num resultado castigador para uma boa primeira parte da equipa de Nuno Domingues. Na segunda parte, o Óquei teve mais pernas. E Dario teria mais golos.

Alvarinho fez o 3-5, mas o Marinhense manteve-se no jogo, com um tento de Mathias Arnaez, mas novo livre directo permitiu a Giménez fazer um 4-6 que era um golpe nas aspirações da equipa da cidade vidreira. Já no último minuto, o 4-7 só serviu para confirmar o triunfo barcelenses. E a mão cheia de golos de Dario.

Valongo e Turquel vencem

À margem das vitórias dos candidatos, Turquel e Valongo somaram importantes três pontos.

Na Aldeia do Hóquei, o Turquel teve uma empolgante primeira parte, chegando ao intervalo a vencer por quatro golos sem resposta. Com dois golos de "Rafa" Lourenço nos primeiros seis minutos da etapa complementar, a Sanjoanense acreditou noutro desfecho, mas o selar do hat-trick de Vasco Luís "cavou" a distância no marcador. Que, mesmo sendo tangencial no final com duas grandes penalidades, faz os três pontos somarem-se às contas turquelenses.

Já o triunfo do Valongo não teve nada de tangencial...

Vindo de uma moralizadora vitória frente ao Benfica, o Valongo embalou com três golos nos primeiros oito minutos de jogo e outros três nos primeiros minutos da segunda parte. A meio da etapa complementar, a equipa de Edo Bosch chegava mesmo a um escandaloso 0-8.

Nos últimos minutos, a derrota foi atenuada pelos vianenses, mas o 3-9 final, mesmo num pavilhão sem público (em virtude de obras) não deixa de ser muito pesado e, certamente, difícil de digerir.

4ª jornada

Turquel 5-4 Sanjoanense

• Marinhense 4-7 Óquei de Barcelos

• Paço de Arcos 2-5 Porto

Sporting 7-4 Tomar

• Parede 4-5 Oliveirense

Benfica 4-1 Braga

• Juventude de Viana 3-9 Valongo

Classificação

1º Porto (12 pontos), 2º Sporting (10), 3º Óquei de Barcelos (9), 4º Benfica (9), 5º Oliveirense (8), 6º Tomar (7), 7º Valongo (6), 8º Parede (6), 9º Juventude de Viana (6), 10º Turquel (4), 11º Braga (3), 12º Paço de Arcos (1), 13º Sanjoanense (0), 14º Marinhense (0)

5ª jornada

• Turquel vs. Marinhense • 9.Out • 21h

• Óquei de Barcelos vs. Paço de Arcos • 9.Out • 18h

• Porto vs. Sporting • 10.Out • 14h30

• Tomar vs. Parede • 9.Out • 18h

• Oliveirense vs. Benfica • 9.Out • 18h

• Braga vs. Juventude de Viana • 9.Out • 17h

• Sanjoanense vs. Valongo • 9.Out • 18h

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade