Notícia

Mais um troféu para decidir entre dragões e águias

Sep 03, 2022

Depois da Taça de Portugal e do Campeonato, Porto e Benfica vão decidir um terceiro troféu em 2022. Na Elite Cup, os dois emblemas mais titulados de Portugal afastaram, respectivamente, Sporting e Oliveirense. #EliteCup

Outra vez dragões e águias na decisão. É a tendência de 2022 e, se a Elite Cup será o terceiro duelo por um título este ano, já está marcado um quarto embate, a 10 de Setembro, para a Supertaça António Livramento.

Em Tomar, o Porto foi o primeiro a carimbar a passagem à partida decisiva, marcando - pela terceira edição consecutiva - presença na final.

A meio da primeira parte, funcionou o Sistema de Revisão Vídeo (SRV), com os árbitros a darem razão a Carlo Di Benedetto, queixoso de uma stickada de Girão no braço do gaulês. O azul ao guarda-redes leonino levou Gonçalo Alves para a marca de livre directo, batendo Zé Diogo. Gonzalo Romero igualaria de grande penalidade num jogo que teve como treinadores os dois últimos seleccionadores espanhóis antes de Guillem Cabestany, tendo Ricardo Ares sido adjunto de Alejandro Dominguez nas selecções feminina e masculina de Espanha.

Já na segunda parte, Romero desperdiçou novo castigo máximo e coube a Roc Pujadas desequilibrar o marcador, para nova vantagem dos dragões. O Sporting voltou a igualar de bola parada, num livre directo de Ferran Font, mas, depois de um segundo azul a Girão, Gonçalo Alves voltou a bater Zé Diogo. E, a sete minutos do fim, Di Benedetto fez o 4-2 que seria final.

Porto e Benfica discutiram a Taça de Portugal e o Campeonato Nacional. No final, a vitória sorriu em ambas as ocasiões aos azuis-e-brancos, por 5-1 na prova rainha e com 3-2 em vitórias no play-off do campeonato.

O primeiro golo na segunda meia-final, também teve "dedo" do SRV, ficando como um bom exemplo do recuar do tempo de jogo. Aos 10 minutos, Gonçalo Pinto marcou em contra-ataque, mas a Oliveirense reclamara de um lance anterior. O tempo recuou cerca de meio minuto, o golo foi anulado, Diogo Rafael viu o azul e Lucas Martinez marcou perante Bernardo Mendes, guarda-redes das águias nesta partida. Sete minutos volvidos, Jorge Silva ampliava.

A perder por dois, o Benfica reagiu com a entrada de Carlos Nicolia e nos derradeiros seis minutos da primeira metade da partida, virou para 4-2. Pablo Álvarez, numa picadinha de belo efeito, reduziu, Nicolia igualou de livre directo e serviu Pablito para a reviravolta, e Roberto Di Benedetto dilatou a vantagem.

Na etapa complementar, os encarnados souberam gerir a liderança do encontro. Pol Manrubia marcou depois de Lucas Martinez reduzir e Pablito selou um hat-trick para repôr a vantagem de dois golos depois de tento de Tomás Pereira. O 6-4 que subiu ao marcador a 14 minutos do apito final persistiria, apesar de um jogo intenso.

Frente ao Porto, o Benfica procurará um troféu oficial que lhe escapa desde Dezembro de 2020, quando conquistou a Taça 1947. Nos duelos deste ano com os dragões, a vitória acabaria por sorrir aos de Ricardo Ares.

Tomar e Valongo para o quinto lugar

Entre vencidos do primeiro dia, Tomar e Valongo levaram a melhor sobre Braga e Óquei de Barcelos e vão disputar o 5º lugar este domingo.

Os tomarenses, a jogar na sua habitual casa, adiantaram-se ainda não estavam cumpridos cinco minutos, por Filipe Almeida, e ao intervalo já venciam por 3-0 com golos de Ivo Silva e Pedro Martins. Tomás Moreira dilatou ainda mais o resultado, de livre directo, encerrando a discussão do encontro com 10 minutos para jogar. António Trabulo e Pedro Mendes lograram enfim bater António Marante, mas já era tarde para evitar a derrota. E Tomás Moreira, em novo livre directo, selou o resultado em 5-2.

Depois do troféu conquistado em 2021, o Óquei de Barcelos tentará este domingo fugir ao último lugar...

Para o 5º lugar, o Tomar defrontará o Valongo, na reedição de um embate da Elite Cup 2021, então para o 7º lugar.

Este sábado, os valonguenses até estiveram a vencer o Óquei de Barcelos por 2-0, com bis de Facundo Navarro, mas os barcelenses viraram ainda na primeira parte e, já na segunda, André Centeno fazia o 2-4.

A vitória parecia estar na mão da equipa de Rui Neto, mas o Valongo forçaria o desempate por livres directos com golos de Rafa Bessa e Carlitos nos últimos dois minutos e meio. No desempate, Miguel Moura e Facundo Navarro marcaram para o conjunto do aniversariante Edo Bosch, ao passo que apenas Alvarinho logrou marcar para os minhotos.

A Elite Cup prossegue este domingo, com os jogos que definirão a classificação final e o vencedor da prova. Todos os jogos podem ser acompanhados no site do Record, patrocinador Platina e jornal oficial da competição.

Quartos-de-final

Porto 8-1 Tomar • 2.Set

Benfica 3-1 Valongo • 2.Set

Sporting 4-1 Braga • 2.Set

• Óquei de Barcelos 3-4 Oliveirense • 2.Set

Meias-finais

Porto 4-2 Sporting • 3.Set

• Benfica vs. Oliveirense • 3.Set

5º ao 8º lugares

Tomar 5-2 Braga • 3.Set

Valongo 6-5 Óquei de Barcelos (4-4, 2-1 ld) • 3.Set

7º e 8º lugares

• Braga vs. Óquei de Barcelos • 4.Set • 9h

5º e 6º lugares

• Tomar vs. Valongo • 4.Set • 11h

3º e 4º lugares

• Sporting vs. Oliveirense • 4.Set • 13h

Final

• Porto vs. Benfica • 4.Set • 16h

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade