Portugal e Argentina lideram

Portugal e Argentina têm mais razões para sorrir, findo o segundo dia do Mundial de Sub-19. Os portugueses deixaram escapar uma vantagem de três golos, mas impuseram-se nos livres directos, e a albiceleste venceu a Itália por 8-4.

Portugal e Argentina lideram
Foto de capa: Miguel Cassini / Hockey Apasionado

Estão apenas cumpridos dois dos cinco dias da fase de grupos do Campeonato do Mundo de Sub-19, mas Portugal e Argentina têm já a vitória nos grupos A e B na mão, depois de, de formas distintas, se terem imposto a Espanha e Itália.

Portugal e Espanha empataram a três, mas os golos de Tiago Sanches e Viti - e as defesas de Kiko Fernandes - nos livres directos finais valem vantagem aos lusitanos num eventual empate pontual. Terá uma palavra a dizer a Colômbia, que entrou esta segunda-feira em competição com uma vitória sobre os Estados Unidos por 2-14. O embate desta terça-feira, com a Espanha, mostrará o real valor do grupo conduzido por André Torres.

No grupo B, o candidato a intrometido entre históricos é o Chile, que venceu o México por 0-16 com pokers de Mario Chavarria e Raimundo Campos. Neste terceiro dia, defrontará a Argentina, mas os chilenos deverão guardar as fichas todas para quando defrontarem a Itália, no fecho da fase de grupos, na quinta-feira.

É que, entre diferentes tons de azul, o celeste da Argentina levou a melhor sobre o mais "azzurro" italiano, num jogo em que os muitos (mesmo muitos, mais de 4000) adeptos presentes terá sido decisivo. Aos sete minutos, num jogo arbitrado por João Duarte (e Iván González), a Argentina vencia por inusitados 4-0, logrando reduzir com dois golos nos derradeiros seis minutos antes do descanso. Na segunda parte, o "score" duplicou.

A Argentina voltou a marcar primeiro e a Itália até conseguiu reagir de livre directo, mas a resposta do seleccionado de Juan Manuel Garcès foi taxativa, com mais três golos, levando a "multidão" do Aldo Cantoni à loucura.

Um golo nos instantes finais atenuou a derrota italiana, mas o 8-4 final é pesado e, conjugado com a "vitória" de Portugal sobre a Espanha, e se Colômbia e Chile não se intrometerem, perfilam-se duelos entre Portugal e Itália e entre Espanha e Argentina nas meias-finais de sexta-feira.

Fase de grupos

Itália 15-0 México • 30.Out

Portugal 23-0 Estados Unidos

• Inglaterra 1-11 Espanha • 30.Out

• Suíça 0-11 Argentina • 30.Out

• México 0-16 Chile • 31.Out

• Estados Unidos 2-14 Colômbia • 31.Out

• Espanha 3-3 Portugal • 31.Out

Argentina 8-4 Itália • 31.Out

Portugal vs. Inglaterra • 1.Nov • 16h (19h PT)

• Itália vs. Suíça • 1.Nov • 18h

• Colômbia vs. Espanha • 1.Nov • 20h

• Chile vs. Argentina • 1.Nov • 22h

• Inglaterra vs. Colômbia • 2.Nov • 16h

• Espanha vs. Estados Unidos • 2.Nov • 18h

• Suíça vs. Chile • 2.Nov • 20h

• Argentina vs. México • 2.Nov • 22h

Colômbia vs. Portugal • 3.Nov • 16h (19h PT)

• Estados Unidos vs. Inglaterra • 3.Nov • 18h

• México vs. Suíça • 3.Nov • 20h

• Chile vs. Itália • 3.Nov • 22h

Classificação - Grupo A

1º Portugal (4), 2º Espanha (4), 3º Colômbia* (3), 4º Inglaterra* (0), 5º Estados Unidos (0)

*menos um jogo

Classificação - Grupo B

1º Argentina (6), 2º Chile* (3), 3º Itália (3), 4º Suíça* (0), 5º México (0)

*menos um jogo

Partilhe

Facebook Twitter AddToAny
Outros artigos do dia
Tempo de ataque reduzido a 35 segundos

Tempo de ataque reduzido a 35 segundos

Dois anos depois, as regras de jogo sofrerão novos ajustes, desta feita com uma alteração relevante no planeamento e desenrolar das partidas. Na próxima temporada, o tempo de ataque passará dos actuais 45 para 35 segundos.

Vantagem merecida, perdida, e 'salva' nos livres directos

Vantagem merecida, perdida, e 'salva' nos livres directos

Espanha e Portugal empataram a três no 'jogo grande' do grupo A. Os portugueses ficam em vantagem ao vencerem a série final de livres directos, depois de um jogo que teve uma parte para cada equipa.

Horários podem comprometer transmissões

Horários podem comprometer transmissões

Apesar do anúncio na grelha da RTP1, uma indefinição com a oficialização definitiva dos horários dos jogos do Campeonato do Mundo de Seniores Masculinos pode deixar a prova sem transmissão televisiva.