Notícia

Giulio Cocco na consolidação do Trissino

Jul 02, 2021

O Trissino oficializou a chegada de Giulio Cocco e, depois dos "terramotos" das últimas duas temporadas, terá fechado o plantel - que será de Alex Bertolucci e não Nuno Resende... - com apenas três mexidas. #Mercado #SerieA1

Nos dois últimos defesos, o Trissino fez apostas fortes na reestruturação dos planteis que estariam às ordens de Sérgio Silva (2019/20) e Nuno Resende (2020/21). Este ano, Resende continuaria e os reforços seriam cirúrgicos na consolidação do projecto, mas o Benfica entrou em cena e "roubou" o técnico natural de São João da Madeira.

Respondendo de forma célere com o acordo com Alessandro Bertolucci, o Trissino já teria o plantel delineado. Esta quinta-feira, foi oficializado Giulio Cocco, confirmando notícias anteriores, que se junta a Roger Bars e Stefano Zampoli nos lugares que eram de Caio, que ruma a Tomar, e de Andrea Scuccato e Adria Català, ambos a caminho de Bassano.

Giulio Cocco regressa a Itália aos 25 anos depois de três temporadas em Portugal, onde, pese bons apontamentos, não se afirmou categoricamente no Porto. O catalão Roger Bars chega aos 22 anos do Igualada como um dos melhores valores da sua geração, internacional jovem por Espanha. Para a baliza, a aposta é noutro jovem de 22 anos, Stefano Zampoli, que esta temporada mereceu rasgados elogios ao serviço do Monza.

O grupo para a próxima temporada, às ordens de Alessandro Bertolucci, deverá estar - salvo (mais) surpresas de última hora - fechado e será constituído por Alessandro Faccin, Andrea Malagoli, Davide Gavioli, Emanuel Garcia, Gabriele Gavioli, Giulio Cocco, João Pinto, Roger Bars e os guarda-redes Elia Zen e Stefano Zampoli.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade