Notícia

Valongo, filão dos 'grandes'

Jan 12, 2022

No próximo defeso, Bernardo Mendes rumará ao Benfica, Miguel Vieira ao Sporting e Diogo Barata é apontado ao Porto. As 'potências económicas' não tiram os olhos do Valongo. #Mercado #PrimeiraDivisão

Como Bernardo Mendes, que reforçará o Benfica, Miguel Vieira rumará no próximo defeso à Segunda Circular, mas para o Sporting, velho rival das águias que Miguel representou entre 2017 e 2021.

Depois de quatro temporadas no Benfica, Miguel Vieira enfrentou uma dispensa penosa no último defeso, num Verão quente para os lados da Luz. Desde logo se falou de um possível ingresso nos leões e, como não há fumo sem fogo, o rumor concretizar-se-á no final desta época.

Entre rumores e conversas de bastidores, terá havido interesse do Óquei de Barcelos no seu ex-jogador, mas os barcelenses pretenderiam uma ligação mais longa e o jogador apenas uma temporada, apostado em relançar-se para outros vôos. O Valongo, orientado por Edo Bosch - que integrava a equipa técnica da selecção nacional que chamou Vieira a Montreux e Mundial (2019) e, mais recentemente, ao Europeu (2021), ainda que como "reserva" - foi de encontro aos desejos do jogador que agora conta 25 anos. E o histórico clube volta a servir de trampolim para um dos ditos "grandes", aqueles que ditam a sua supremacia sustentados em orçamentos com os quais não dá para competir.

Saídas sucessivas

Foi com base num extraordinário trabalho de base e de prospecção de jovens talentos que Paulo Pereira fez do Valongo campeão em 2014, num ano histórico para um clube com muita tradição, mas a que faltavam títulos. O Valongo juntou-se a um restrito grupo de quatro campeões - Porto, Benfica, Sporting e Óquei de Barcelos - nos 40 anos anteriores e, naturalmente, as suas jóias despertaram cobiça.

Ainda na ressaca dos festejos (e antes da conquista da Supertaça António Livramento), Girão e Rafa rumaram a, respectivamente, Sporting e Porto, onde se consolidaram e sobreviveram a várias mudanças nos planteis.

No ano seguinte, o Valongo perdeu para o Porto um muito jovem Alvarinho, que não se impôs, e Telmo Pinto. Domingos Pinho regressou à Oliveirense, levando consigo João Souto. Em 2016, também Nuno Araújo rumou à Oliveirense, ao passo que Henrique Magalhães era contratado pelo Sporting, mas ia "rodar" no Liceo.

Em 2017, o 7º lugar final não despertou cobiça, mas o 5º lugar e a presença na final da Taça de Portugal no ano seguinte, não deixou os mais atentos indiferentes. O Valongo perdia os dois "motores" - Poka para o Porto e Xavi Cardoso para o Benfica - que lhe davam tracção.

Em 2019, as duas saídas têm contornos distintos. Gonçalo Pinto estava emprestado pelo Benfica e foi reclamado de volta, e João Souto saiu a meio da temporada - por motivos profissionais - para o Turquel. Mas, finda a época, reforçou o Sporting.

Discreto no cancelado campeonato de 2019/20, o Valongo viveu uma mini-revolução com a chegada de Edo Bosch ao comando técnico na pretérita temporada, mas consolidou alguns dos seus talentos, como Bernardo, "Carlitos" ou "Baratinha". Ou "Rafa" Bessa e Diogo Abreu.

Disputado por Benfica e Porto, Carlos Ramos ("Carlitos") juntou-se aos dragões no último defeso. Este ano, o Benfica "ganhará" Bernardo, e Diogo Barata está apontado ao Dragão Arena. Entretanto, Nuno Araújo regressou à Oliveirense, e Miguel Vieira acabará por ter a sua casa no Municipal de Valongo - onde em 2014 ganhou o Europeu de Sub-20 - por apenas uma temporada.

Miguel Vieira (outrora "Vieirinha") já chegou a Valongo campeão do Mundo, mas, entre os que já saíram desde esse histórico ano de 2014, contam-se nada menos do que outros quatro campeões do Mundo: Girão, Rafa, Telmo, Henrique)

Saídas do Valongo para Benfica, Oliveirense, Porto e Sporting desde 2014

• 2022 - Bernardo Mendes (Benfica), Diogo Barata (Porto?), Miguel Vieira (Sporting)

• 2021 - Carlos Ramos (Porto), Nuno Araújo (Oliveirense)

• 2020 - nenhuma a registar

• 2019 - Gonçalo Pinto (Benfica), João Souto (Sporting, via Turquel)

• 2018 - Poka (Porto), Xavi Cardoso (Benfica)

• 2017 - nenhuma a registar

• 2016 - Henrique Magalhães (Sporting), Nuno Araújo (Oliveirense)

• 2015 - Alvarinho (Porto), Domingos Pinho (Oliveirense), João Souto (Oliveirense), Telmo Pinto (Porto)

• 2014 - Ângelo Girão (Sporting), Rafa (Porto)

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade