Notícia

BIR perde sete jogos de uma vez

Feb 28, 2022

Por utilizar um treinador não inscrito, o BIR foi punido com derrota em sete jornadas e perde nove pontos conquistados, caindo de 6º para 11º na Zona Sul da II Divisão. Marítimo, Benfica 'B' e Alenquer 'conquistam' três pontos. #Disciplina #SegundaDivisão

Uma participação do Comité Técnico-Desportivo da Federação de Patinagem de Portugal a 15 de Novembro expôs a utilização irregular do treinador Pedro Almeida e do adjunto João Monteiro - não estavam inscritos na federação - por parte do Biblioteca Instrução e Recreio (ou, simplesmente, BIR), levando à instauração de um processo. Mais de três meses depois, saiu o veredicto.

O BIR até estava num bom momento na Zona Sul da II Divisão, somando, nos derradeiros três jogos, duas vitórias e um empate que o colocavam num prestigiante 6º lugar, ainda que longe da luta - em que esteve o ano passado - pela subida.

Mas, após o empate a três em Vila Franca de Xira, nove pontos perdidos na secretaria levam a equipa de Valado dos Frades para junto da linha de água.

Para além das sete derrotas averbadas (três com efeito na classificação), o BIR foi também multado em 665 euros.

Em causa estão as partidas das sete primeiras jornadas frente a Sintra, Candelária, Física, Marítimo, Benfica "B", Murches e Alenquer, em que o BIR vencera três jogos, curiosamente sempre por 3-2. Na derradeira destas partidas, a expulsão de João Monteiro e a necessidade de análise da respectiva situação federativa para apuramento de castigo, terá precipitado a participação.

Com os desfechos "transformados" em derrotas por 0-10, o BIR cai para 11º, ainda acima da linha de água, com 14 pontos em 16 jogos, mas apenas com três pontos de vantagem sobre a Juventude Salesiana, que tem menos um jogo.

Será uma missão ingrata para Fábio Barqueiro, que chegara como reforço no defeso, mas pendurou os patins para assumir o comando técnico em Dezembro, após a saída de Pedro Almeida.

Nesta época, o BIR teve um ponto alto na eliminação do primodivisionário Sanjoanense (4-3) na Taça de Portugal, poucos dias volvidos sobre a mudança de treinador. Cairia depois frente ao Óquei de Barcelos (2-6).

Três pontos "caídos do céu"

Beneficiados com a "pena de derrota" do BIR foram Marítimo, Benfica "B" e Alenquer. Se os açorianos do Marítimo navegam a meio da tabela, num 8º lugar com 19 pontos em 15 jogos, já as equipas de Luís Duarte e Rui Henriques somam preciosos pontos na luta no topo da classificação.

A Zona Sul da II Divisão é liderada pelo Oeiras, com 38 pontos em 15 jogos e, agora, a companhia dos "B" do Benfica, com os mesmos 38 pontos, mas mais dois jogos. Em 3º está o Murches, com 37 pontos somados em 15 partidas, agora "apanhado" pelo Alenquer, no entanto, com mais dois jogos.

Também na luta pela subida - em que a equipa "B" do Benfica, próximo adversário do BIR, não entra - está o Candelária, com 35 pontos em 16 jogos.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade