Notícia

Jordi Mendez chega aos 50

Apr 04, 2022

Com um golo no empate a cinco frente ao Bassano, Jordi Mendez, atacante catalão do Lodi, chegou aos 50 golos na presente temporada da Serie A1. Nas 25 jornadas disputadas, só ficou em branco em duas. #SerieA1

Não seria inédito que um jogador da Serie A1 chegasse aos 50 anos (recorde-se o caso de longevidade de Crudeli), mas é de golos que se trata. O catalão Jordi Mendez chegou, este sábado, aos 50 golos na presente edição da Serie A1, principal campeonato italiano.

Vice-campeão do Mundo de Sub-20 em 2017, na China, Jordi Mendez irrompeu pelo Hóquei em Patins de alto nível com uma extraordinária temporada de 2019/20, com 31 golos em 25 jogos ao serviço do Igualada. Destacando-se seis golos de uma vez, na vitória em Taradell por 6-9, mas todo o seu percurso tornavam o "salto" para outro patamar inevitável.

Em 2020 chegava ao campeonato italiano e dificilmente podia desejar melhor temporada, tendo particular preponderância na conquista da Serie A1 e Coppa Italia, a primeira "dobradinha" da história dos "giallorossi".

Na Serie A1, Mendez contribuiu na pretérita temporada com 41 golos na fase regular e 15 no play-off para o sucesso do Lodi, no encalce de um afirmado Federico Ambrosio, no Forte, que lograria um total de 64.

Esta temporada, no Bassano (de malas feitas de volta a Forte dei Marmi no fim da época), Federico Ambrosio "só" leva 30 golos, tendo também marcado um este sábado, no duelo entre Lodi e Bassano.

O duelo da penúltima jornada terminou com uma igualdade a cinco, com o Bassano a chegar a uma vantagem de três golos, mas a ter de suar para conquistar um ponto depois do Lodi ter virado para 5-3. Na reviravolta do Lodi, Jordi Mendez "picou o ponto" com o segundo golo.

Aos 23 anos, Mendez está estratosférico na arte de fazer abanar as redes, ainda que na equipa de "Gigio" Bresciani o também catalão Enric Torner, com 33, e os outros dois habituais titulares, D'Anna e Greco, com 18 cada, não tenham registos de menosprezar.

Jordi Mendez lidera a lista de marcadores da Serie A1 com 50 golos, à frente de Giulio Cocco, ex-Porto, com 39 golos, mais quatro que Andrea Malagoli, seu colega no Trissino, que fecha o pódio dos goleadores. Em 25 partidas para o campeonato, o atacante catalão do Lodi só ficou em branco nas duas derrotas frente ao líder Trissino, "vingando-se" frente ao lanterna-vermelha Matera, com 12 golos repartidos pelos jogos da primeira e segunda volta.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade