Notícia

Valongo e Sanjoanense na WSE com (muitas) vagas na Liga Europeia

Jul 27, 2021

Com o boicote das equipas da EHCA, apenas há cinco inscrições na Liga Europeia, 12 na Taça WSE e sete na Taça da Liga Feminina. Valongo, Sanjoanense e Benfica são os emblemas portugueses inscritos. #CompetiçõesEuropeias

De mal a pior. Depois de uma temporada em que a pandemia levou à não inscrição de várias equipas (mormente italianas) e depois à desistência de inúmeras, o comité técnico europeu de Hóquei em Patins (WSE-RH) tem em mãos um reduzido número de equipas para preparar a nova edição das provas europeias.

Com o prazo para a confirmação de inscrições a terminar este domingo, a WSE-RH do português Agostinho Silva enviou aos clubes a lista das equipas inscritas. E é confrangedora.

Para a Liga Europeia, mais importante prova de clubes da Europa, estão apenas inscritas cinco equipas. A EHCA anunciou (também esta segunda-feira, já findo o prazo de inscrição) que os seus sócios não participariam, mas o Forte terá precipitado a inscrição e surge com os também italianos do Lodi e Trissino. La Vendéenne (França) e Diessbach (Suíça) completam o quinteto de equipas que se apresentam para suceder ao Sporting como campeão europeu.

WSE-RH reunirá com os clubes inscritos a 28 e 29 de Julho para definir o modelo competitivo das provas.

Face às poucas equipas inscritas, o WSE-RH indica no mesmo comunicado que irá convidar equipas da secundária Taça WSE a preencher vagas na Liga Europeia, mas, se apontar às tradicionais 16 equipas só sobrará uma...

Na Taça WSE - já fora do radar da elitista EHCA - estão inscritas 12 equipas, entre as quais as portuguesas Valongo e Sanjoanense, quando também Oliveirense, Tomar e Juventude de Viana conquistaram o direito desportivo a participar. Para a Sanjoanense - vencedora de uma Taça das Taças (extinta) em 1986 - é o concretizar de um sonho que tinha sido apontado à época finda. O Valongo regressa depois de ter participado na Liga Europeia em 2015/16, abdicando depois sucessivamente por motivos de equilíbrio económico.

Às duas equipas portuguesas juntam-se quatro catalãs. A Calafell, Igualada e Voltregà junta-se o Lleida, que defende o título conquistado nas últimas três edições. Há também três equipas italianas, com Follonica, Sarzana e Valdagno e ainda as francesas Poiré Roller e Quevert e a helvética Genève.

Benfica e Sanjoanense no feminino

Na Taça da Liga Feminina, há a registar sete inscrições. Estranhando-se as ausências de Manlleu ou Voltregà, é de sublinhar também a não inscrição do português Sporting, que mantém a sua aposta intramuros.

Inscritos estão Benfica, a vincar a EHCA como uma associação de equipas de Liga Europeia e não mais abrangente, e a Sanjoanense para tentarem contrariar o habitual domínio espanhol, que desta feita se apresenta com Cerdanyola, Gijón e o campeão Palau.

A jogo - a haver jogo... - irão também as francesas do Noisy Le Grand e as italianas do Roller Matera.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade