Notícia

Nuno Lopes ilibado de 'injúrias e ofensas' à Federação

Feb 11, 2021

O processo aberto a Nuno Lopes, treinador do Tomar, pelas declarações no final do jogo com a Juventude de Viana foi arquivado. #Disciplina #PrimeiraDivisão

As declarações, pinceladas de ironia, de Nuno Lopes sobre a presença de "público" e falta de regulamentação específica no final do jogo entre Juventude de Viana e Tomar foram alvo de processo por parte da Federação de Patinagem de Portugal.

"Por desconsideração à actuação e esforço que a Federação de Patinagem de Portugal tem vindo a implementar para tornar possível a retoma da prática competitiva", Nuno Lopes incorria em castigo por "injúrias e ofensas", mas o Conselho de Disciplina entendeu que não é possível "concluir pela existência de um facto voluntário que possa ser configurado como uma infracção disciplinar" e decidiu pelo arquivamento do processo.

Em abono de Nuno Lopes, terá pesado o relatório da delegacia técnica realizada na partida, onde se lê que "nas bancadas encontravam-se cerca de 25 pessoas afectas à A. Juventude de Viana, que em certos momentos durante o jogo se manifestavam com insultos e ameaças à equipa de Arbitragem e elementos da equipa Visitante".

Desse mesmo jogo resultou também um processo aberto ao clube vianense, aguardando-se a decisão sobre o mesmo.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade