Notícia

Porto cumpre frente a um resiliente Parede

Oct 17, 2021

O Porto somou três pontos na Parede, onde a equipa local voltou a mostrar que será um "osso duro de roer". À espera do Clássico entre Sporting e Óquei de Barcelos, a Oliveirense venceu em Viana e subiu ao 2º lugar. #PrimeiraDivisão

Numa ronda desde logo marcada pela vitória do Tomar na Luz, o Porto cumpriu na deslocação à Parede, onde, confirma-se, não haverá facilidades para ninguém.

Os dragões até chegaram a uma vantagem de 1-4, com sete minutos decorridos na etapa complementar, mas a reiterada resiliência da equipa de Pedro Caeiro Gonçalves assustaria. Num ápice, André Gaspar e Ricardo Machado juntavam golos ao de Bernardo Pinto e, com largos 13 minutos para jogar, tudo ficava em aberto.

Valeria a maior experiência aos azuis-e-brancos, gerindo e ampliando para 3-5 a seis minutos do final, quando o guarda-redes António Mendonça pedia assistência depois de um remate forte de Xavi Barroso, por um Telmo Pinto que já abrira a contagem.

O Porto continua na liderança, somando agora seis vitórias em seis jogos disputados e, enquanto o Óquei de Barcelos não joga no João Rocha, é a Oliveirense que está no encalce mais próximo. A equipa de Oliveira de Azeméis é a outra equipa que ainda não perdeu na prova, vencendo nesta sexta ronda em Viana do Castelo.

Numa partida equilibrada, a Oliveirense saiu na frente, com golos de Marc Torra e Xavi Cardoso, mas os vianenses - vindos de duas derrotas - anularam a desvantagem ainda na primeira parte, por Reinaldo Ventura e Pedro Delgado ("Bekas"). Na etapa complementar, a Oliveirense, por Lucas Martinez, voltou a adiantar-se, mas a equipa de André Azevedo nunca baixou os braços e os três pontos só ficaram entregues numa recta final com muitas incidências (e novo golo de Lucas ao cair do pano para o 2-4 final), levando os vianenses a emitirem um comunicado contra as arbitragens.

Poker não evita derrota

A intrometer-se entre os assumidos candidatos está, para além do Tomar, o Valongo. A equipa de Edo Bosch recebeu e venceu o Braga por 6-4 e passou Sporting (à condição) e destacou-se do Benfica para o 5º lugar. No entanto, a figura maior do encontro no Municipal de Valongo foi Vítor Hugo.

O atacante, reforço dos bracarenses para esta temporada, assinou um poker que, até oito minutos do final, valia a divisão de pontos. Mas seria "traído" pelos argentinos do Valongo... Facundo Bridge e Facundo Navarro assinaram os seus segundos golos na partida para desequilibrarem definitivamente a contenda e garantirem o triunfo.

Marinhense e Paço de Arcos vencem na luta pela manutenção

Com a manutenção como primordial objectivo, Marinhense e Paço de Arcos somaram em casa importantes triunfos contra adversários directos na "luta".

O Marinhense venceu a Sanjoanense por 7-6, num jogo vivo e cheio de golos. A equipa de Nuno Domingues "arrancou" com três golos de vantagem, mas os pupilos de Vítor Pereira foram abnegados, recuperaram e mantiveram a incerteza até final. João Pedro Pereira assinou um hat-trick e Rafa Lourenço bisou para os alvinegros, mas seria insuficiente para evitar a derrota (a sexta em outras tantas partidas) perante um Marinhense que teve Luís Silva, Mathias Arnaez e Nico Carmona a bisarem.

Na Linha, o Paço de Arcos levou a melhor sobre o Turquel por 6-5 num jogo em que apenas a cinco minutos do fim passou definitivamente para a frente do marcador. A equipa orientada pelo turquelense André Luís marcou primeiro, por Bruno Frade depois de azul a Daniel Passos, mas o Turquel virou o marcador e chegou mesmo ao intervalo a vencer por 1-3.

Na segunda parte, os visitantes seriam condicionados por quatro azuis, a permitirem ao talentoso jovem Bruno Frade várias chamadas à marca de livre directo. E Frade terminaria com quatro golos, com os importantes 3-3, o 4-4 e o 5-4 para além do tento inaugural.

A 6ª jornada encerra este domingo com um Clássico entre Sporting e Óquei de Barcelos, no João Rocha. Os barcelenses, com quatro vitórias consecutivas, somam mais dois pontos que os leões, que quererão redimir-se da pesada derrota no Dragão Arena na última ronda. A partida, agendada para as 15h, será arbitrada pelos lisboetas João Duarte e Ricardo Leão.

6ª jornada

Marinhense 7-6 Sanjoanense

Paço de Arcos 6-5 Turquel

• Parede 3-5 Porto

• Benfica 3-5 Tomar

• Juventude de Viana 2-4 Oliveirense

Valongo 6-4 Braga

• Sporting vs. Óquei de Barcelos • 17.Out • 15h • João Duarte e Ricardo Leão

Classificação

1º Porto (18 pontos), 2º Oliveirense (14), 3º Tomar (13), 4º Óquei de Barcelos* (12), 5º Valongo (12), 6º Sporting* (10), 7º Benfica (9), 8º Braga (6), 9º Parede (6), 10º Juventude de Viana (6), 11º Marinhense (6), 12º Paço de Arcos (4), 13º Turquel (4), 14º Sanjoanense (0)

* com menos um jogo

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade