Notícia

Castigos desfalcam Intercontinental?

Dec 17, 2021

A Taça Intercontinental entre Sporting e Porto deverá (ou deveria) ficar ensombrada por ausências importantes. Carlo Di Benedetto, Gonçalo Alves, Ferran Font e Xavi Malián têm castigos para cumprir. #Disciplina #Intercontinental

É uma Taça Intercontinental inédita, a duas mãos entre duas equipas portuguesas. E o vencedor - seja Sporting ou Porto - será também ele inédito. Antevem-se duas partidas emocionantes e disputadas até final, mas, apesar do silêncio sobre o tema, podem - e devem... - ficar ensombradas pelos castigos pendentes sobre três jogadores azuis-e-brancos e um verde-e-branco.

Os castigos vêm de Maio último, da final da Liga Europeia que terminou com o triunfo leonino por 4-3 no prolongamento. Das incidências do jogo e de protestos no final, veio a decisão disciplinar, com Carlo Di Benedetto a ser punido com três jogos, Ferran Font e Gonçalo Alves com dois e Xavi Malián com uma partida de suspensão.

Entre estes, Ferran Font já cumpriu um jogo, na decisão da Taça Continental, mas, sem inscrição de Sporting ou Porto na Liga Europeia, todas as restantes partidas estão por cumprir, apesar de todos os citados terem estado no recente Campeonato da Europa. É que, conforme o artigo 11º, alínea g, ponto b do regulamento disciplinar de campeonatos e competições, "uma sanção relativa a uma competição oficial internacional de clubes, deverá cumprir-se numa competição internacional de clubes". E a Taça Intercontinental é uma competição internacional de clubes, como a Liga Europeia é uma competição internacional de clubes, ambas sob a mesma alçada disciplinar da World Skate.

As penas podem prescrever, mas tal só acontece ao fim de dois anos para suspensões. Ou os jogadores podiam ser amnistiados, mas é desconhecido que o comité executivo da World Skate tenha reunido nesse sentido. Sem subterfúgios, Xavi Malián e Ferran Font falharão a primeira mão da decisão, ao passo que Di Benedetto e Gonçalo Alves não poderão jogar qualquer das partidas.

Desde logo, o Porto acusaria mais as ausências, com menos dores de cabeça para Ângelo Girão, que viu Gonçalo Alves marcar cinco golos na última vez que dragões e leões se encontraram para o Campeonato Nacional (9-5) e Carlo Di Benedetto marcar dois na vitória da França sobre Portugal (5-3) no Campeonato da Europa. O atacante português e o atacante gaulês somam 45 dos 75 golos do Porto na I Divisão esta época.

Recorde-se que a Taça Intercontinental tem a sua primeira mão esta sexta-feira, no Dragão Arena (20h30), e a segunda mão já domingo, no João Rocha (18h).

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade