Notícia

Edu Castro na 'cadeira de sonho' até 2024

Apr 04, 2022

O Barcelona anunciou a renovação de contrato do treinador Edu Castro. A 'cadeira de sonho' dos treinadores de Hóquei em Patins fica, para já, ocupada até 2024. #Mercado #OkLiga

Era um dos temas que maior expectativa gerava para o próximo defeso. Edu Castro, treinador principal do Barcelona desde 2017, terminava contrato e não faltavam rumores que davam ora Guillem Cabestany, ora Alejandro Dominguez, dependendo do conspirador da teoria, como apontados ao lugar que será, quiçá, o mais desejado e cobiçado entre os treinadores de Hóquei em Patins.

Esta segunda-feira, depois de garantida a vitória na fase regular, os blaugrana acabaram com o "tabú". Edu Castro, de 55 anos, continuará a ser o treinador na próxima temporada. E na seguinte.

Natural de Vigo, Edu Castro está na sua quinta temporada à frente da equipa principal do Barcelona, depois de ter sido adjunto de Ferran Pujalte na temporada de 2010/11 e de Ricard Muñoz, entre Março de 2013 e até assumir as "rédeas" em 2017.

Nas quatro temporadas completas, Edu Castro conduziu os blaugrana a outros tantos títulos da OK Liga, a duas Taças do Rei e a duas Supertaças, bem como a uma Liga Europeia, em 2018, no Dragão Caixa, e às Taças Continental e Intercontinental em 2019.

O Barcelona está numa rara série de duas provas internas sem títulos, depois de perder a Taça do Rei, em Julho último, e a Supertaça, em Setembro, ambas para o Liceo. E voltou a perder com "los verdes" na OK Liga, mas esse seria o único desaire numa fase regular quase perfeita. A duas jornadas do fim, o Barcelona soma 23 vitórias, um empate (em Alcoi) e a tal singela derrota com o Liceo, podendo orgulhar-se de ter o melhor ataque, com 160 golos (e, em João Rodrigues e Pau Bargalló, os dois melhores marcadores), e a melhor defesa, com apenas 56 sofridos.

Para a próxima temporada, os blaugrana não terão Nil Roca (a caminho do Benfica) e já anunciaram o fim de carreira do capitão Aitor Egurrola, que deverá ser "substituído" (como se as lendas se substituissem...) por Carles Grau.

Sergi Panadero e Sergi Fernandez também terminavam contrato no final desta temporada, mas a renovação de "Pana", por uma temporada, já foi anunciada, e para a de "Xenxo" já há acordo, devendo ser tornada pública em breve.

Matias Pascual ainda tinha mais um ano de contrato e já renovou até 2025, ao passo que João Rodrigues, Pau Bargalló e Sergi Llorca (até 2024) e Hélder Nunes e Ignacio Alabart (2023) têm contrato e deverão cumpri-lo.

Na composição do plantel para a próxima época, de regresso aos desafios europeus, mantém-se alguma indefinição entre a aposta nos jovens da equipa "B", com Kyllian Gil e Oriol Llenas à cabeça, e o ataque ao mercado, podendo o gigante da cidade condal visar os "grandes" portugueses.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade